Seja bem-vindo(a)! Patos de Minas, 02 de agosto de 2021

Siga nossas Redes Sociais

Estudo do Catecismo: 1ª Parte, 2ª Seção, Capítulo II, Artigo 3, Parágrafo 2 Concebido pelo poder do Espírito Santo, Nascido da Virgem Maria (CIC n. 484-511)

15/07/2021   .    Catecismo
Compartilhe

Nesse parágrafo o CIC apresenta os dogmas de Maria. Tudo o que atribuímos a Maria como dignidade é em função de sua resposta de fé ao chamado de Deus para ela ser a Mãe de Deus.

Entendemos a missão de Jesus em ligação com a missão do Espírito Santo. Por isso, a concepção de Maria foi pela ação do Espírito Santo. O Jesus-homem que nasce do seio de Maria é o Cristo, mesmo que isso tenha sido confirmado só depois de seu nascimento, particularmente na cruz. Nesse sentido Maria é a Mãe de Jesus homem e Deus.

Também pelo poder do mesmo Espírito Santo Deus preparou antes de todos os tempos uma criatura, Maria, para que cooperasse com ele no plano da salvação. Por ser a mãe do salvador e Filho de Deus, Maria foi cumulada de graças para tal dignidade. Já no Antigo Testamento as santas mulheres preparam esse caminho que culmina na missão de Maria.

Para ser a mãe de Deus ela deveria ser preservada da mancha do pecado original. A Igreja acredita desde os primeiros séculos que Maria foi preservada do pecado original, permaneceu durante sua vida sem pecado pessoal e foi assunta ao céu de corpo e alma. Assim, pela virtude do Espírito Santo, ela respondeu com obediência ao chamado divino para ser a mãe do salvador e confirmou as graças que Deus lhe enriqueceu antes de todos os tempos.

Por ter gerado no seu seio o Filho de Deus, segunda pessoa da Santíssima Trindade, Maria pode ser chamada Mãe de Deus. Sendo que a maternidade de Maria não ocorreu como as normais, mas pela ação do Espírito Santo, ela é venerada pela Igreja como Virgem, sempre virgem.

Ao gerar o Filho de Deus, o novo adão, isento do pecado, Jesus nosso irmão, Maria se torna também a mãe espiritual para a toda humanidade. As aparições de Maria confirma sua maternidade universal de Maria. Aquela que é a mais próxima de Deus, pois foi digna de gerar o próprio Deus em seu seio, está sempre atenta aos seus filhos em suas necessidades. Recorramos sempre a Maria, pois como uma mãe ela cuida e protege amados filhos espirituais.

Pe. José Antônio Ramos

Paróquia Santa Cruz de Guarda dos Ferreiros/MG

Cúria Diocesana

Rua Tiradentes, 388, Centro Patos de Minas - MG - CEP: 38700-134

Telefone

(34) 3821-3213 (34) 3821-3184