Seja bem-vindo(a)! Patos de Minas, 20 de outubro de 2021

Siga nossas Redes Sociais

PAPA: AQUELE QUE ESCUTA, AMA E SONHA SEGUINDO A CRISTO

01/07/2021   .    Artigos de Formação
Compartilhe

Dom Roberto Francisco Ferreria Paz
Bispo de Campos (RJ)

 

Neste Domingo, no Brasil, celebramos a Solenidade Martirial dos Santos Apóstolos, São Pedro e São Paulo, colunas, primícias, e fundamentos constitutivos da Igreja de Cristo. O ministério petrino, que vem etimologicamente de petrus, pedra ou gruta do aramaico “cefas”, significa fundamento, alicerce, abrigo e guarida como as grutas da Palestina.

O sucessor de Pedro, que chamamos de Papa, isto é, Pater Patrum (Pai dos Padres) ou Pai, do grego Abba, Pai comum, que tem como missão manter a comunhão eclesial. Já Santo Ignácio de Antioquia, chamava a Igreja de Roma de a que preside e tem a primazia do amor sobre as outras. O próprio Cristo Ressuscitado, na tríplice pergunta a Pedro, se o amava, fazia questão de mostrar que este ministério estava ligado ao amor-comunhão.

Por isso, os Papas, e vemos isso no rosto do Pedro, atual Francisco, são, em primeiro lugar, ouvintes e escutas plenos da Palavra do Senhor, oitiva que também se dispõe a acolher os gritos do sofrimento, das injustiças, e olhar com fé para os sinais dos tempos que, desafiadores, indicam por onde está passando Jesus, hoje.

Mas, sempre serão testemunhas de um amor totalmente disponível que revela, em toda a sua dimensão e profundidade, a ternura e misericórdia de Cristo para todas as pessoas e criaturas da Terra, amor incondicional, universal e gratuito. Amor que gera esperança e torna o Papa o homem do futuro de Deus, o guardião e portador da utopia do Reino, o esperançador e acendedor de todas as buscas e inquietações por uma justiça maior, de uma humanidade nova, fraterna e inteiramente reconciliada.

Com Petrus e sub Petrus, isto é, com o Papa que abre caminhos, vamos juntos, como Igreja sinodal em processo de saída, participar da Assembléia Eclesial dos povos da América Latina e do Caribe, preparando os 500 anos da Aparição de Nossa Senhora de Guadalupe que abriu, na América, o processo de evangelização do continente e os 2000 da morte redentora de Cristo, o Salvador do mundo, que celebraremos no ano 2033. Deus seja louvado!

Cúria Diocesana

Rua Tiradentes, 388 - Centro Patos de Minas/MG - CEP 38700-134

Telefone

(34) 3821-3213 (34) 3821-3184