Seja bem-vindo(a)! Patos de Minas, 01 de julho de 2022

Siga nossas Redes Sociais

XVI Romaria Nacional do Terço dos Homens acontecerá em fevereiro

09/01/2022   .    Notícias da Igreja
Compartilhe

A Romaria Nacional do Terço dos Homens voltará a acontecer de 18 a 20 de fevereiro, no Santuário de Aparecida, em Aparecida (SP). Segundo os organizadores, trata-se da maior romaria que o santuário acolhe todos os anos. Em 2020, contou com a participação de cerca de 90 mil homens. Em 2021, por causa das medidas sanitárias impostas contra a pandemia de covid-19, só foi feito um evento virtual.

“Agora é momento de retomada, com muitas caravanas que vão sair de todas as partes do Brasil e estarão em Aparecida. A nossa expectativa é que, se não tivermos aquele grupo de fiéis que estiveram em 2020, tenhamos algo próximo a isso”, disse Glayson Lozer, coordenador do Terço dos Homens no Regional Leste 3 da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) e membro da organização da romaria.

Lozer afirmou que o Santuário estará aberto para acolher a todos, mas será necessário adotar as medidas de prevenção ao contágio por covid-19, como o uso de máscara e álcool em gel. “Em novembro de 2021, fizemos uma reunião de preparação e, como o contexto da pandemia vai mudando, vamos fazendo tudo de forma responsável. O Santuário estará aberto para acolher os homens do Brasil inteiro, com todas as medidas sanitárias adotadas por causa da pandemia. Mas, vamos fazer a romaria, acima de tudo com a fé, que nos alimenta e nos sustenta. Será um encontro da gigante família mariana do Terço dos Homens”, disse o coordenador do movimento no Leste 3.

Para o arcebispo de Juiz de Fora (MG) e bispo referencial da CNBB para o Terço dos Homens, dom Gil Antônio Moreira, o terço dos homens é um “grande movimento mariano que nos leva a Jesus”. Por isso, convidou todos os “homens do terço do Brasil inteiro” a “rezar juntos no Santuário de Aparecida”, pois “lá elevaremos a Deus os nossos pedidos, através das mãos de Nossa Senhora”.

Esta será a 14ª edição da Romaria do Terço dos Homens ao Santuário de Aparecida. Lozer recordou que tudo começou quando, em 2009, um grupo de homens de Campestre, no sul de Minas Gerais, procurou o santuário para propor uma romaria. “O Santuário não conhecia o Terço dos Homens, mas decidiu fazer. Aquela romaria reuniu 600 homens. Com o passar do tempo, a romaria veio crescendo. Um ano que marcou bastante foi 2018, quando chegamos a quase 60 mil homens. Ali caiu a ficha e percebemos que o terço dos homens é uma realidade da Igreja no Brasil, que vamos passar com Cristo pela cruz e fazer o resgate de muitos através da oração do terço”, afirmou.

Atualmente, contou Lozer, a Romaria do Terço dos Homens “é a maior romaria do Santuário de Aparecida e movimenta toda uma estrutura, pois mexe desde a rede hoteleira até o ambiente funcional do Santuário”. “Dizemos que Aparecida é uma cidade que recebe outra cidade na Romaria do Terço dos Homens”, afirmou. Por isso, a organização realiza todo um trabalho de informação e articulação para receber os romeiros. “Em Aparecida tudo gira muito entorno do Santuário e quem vive esta realidade, desde os vendedores de picolé com seus carrinhos até os colaboradores do Santuário, em conversas informais dizem que esta romaria é diferente e eles fazem de tudo para acolher bem”.

Neste ano, a Romaria tem como tema “Terço dos Homens: ‘Caminhar com Maria, para viver e crescer em comunidade’” e lema “Na Casa da Mãe, renovamos o compromisso missionário”. Para Lozer, “se a Igreja perde sua essência missionária, perde a sua essência de existir”, pois há “aquele mandamento que Jesus deu aos seus apóstolos: ide ao mundo inteiro e pregai o evangelho a toda criatura”.

“Pensamos muito no lado espiritual do homem que vai rezar em Aparecida, mas que volta para sua casa com o coração renovado. Não é somente aquela massa de 90 mil homens, mas o que eles vão encontrar junto ao manto de Nossa Senhora Aparecida, homens que têm naquele lugar um símbolo da nossa fé e voltam para suas casas para ser homens melhores para suas famílias e para a sociedade”, disse.

A programação começará às 19h do dia 18 de fevereiro, na basílica histórica de Aparecida (conhecida como Basílica Velha), com a acolhida aos romeiros. Em seguida, uma procissão luminosa que percorrerá a passarela da fé. Às 20h30 será celebrada a Missa de abertura no altar central do Santuário Nacional, seguida pela adoração ao Santíssimo Sacramento na capela do Santíssimo, às 23, e vigília que seguirá até às 6h do dia 19 de fevereiro.

Uma missa solene campal será celebrada no dia 19, às 7h, na tribuna dom Aloísio Lorscheider e, às 13h15 haverá uma reflexão sobre o tema da romaria no altar central do santuário. Em seguida, às 14h, será rezado o terço e a consagração a Nossa Senhora. A programação seguirá à noite, com uma procissão às 19h15 do santuário até a tribuna dom Aloísio Lorscheider, onde haverá um show às 20. A romaria será encerrada no dia 20 com a missa de envio às 8h.

Para mais informações e inscrição na Romaria Nacional do Terço dos homens, pode acessar AQUI.

Vídeo: Dom Gil Antônio Moreira, Arcebispo Metropolitano de Juiz de Fora e Bispo referencial da CNBB para o Terço dos homens, a todos os tercistas por ocasião da XIV Romaria Nacional do Terço dos homens.

Fonte: AC Digital

Foto: Terço dos homens – Romaria do Terço dos Homens no Santuário de Aparecida

Cúria Diocesana

Rua Tiradentes, 388 - Centro Patos de Minas/MG - CEP 38700-134

Telefone

(34) 3821-3213 (34) 3821-3184