Seja bem-vindo(a)! Patos de Minas, 09 de dezembro de 2022

Siga nossas Redes Sociais

CNBB e Cáritas Brasileira firmam parceria com União Europeia para apoio às famílias da Bahia e Minas

21/01/2022   .    Notícias da Igreja
Compartilhe

As fortes chuvas deram uma trégua e as águas das enchentes baixaram, mas agora as comunidades atingidas na Bahia e em Minas Gerais se deparam com os estragos causados e iniciam a reconstrução de suas vidas. No fim do ano passado, 25 pessoas perderam a vida e mais de 100 mil ficaram desabrigadas na Bahia. Em Minas Gerais já são 25 óbitos e 52 mil pessoas fora de casa desde o início de 2022.

Esse cenário de emergência repercutiu mundialmente e chamou a atenção de representantes de entidades da cooperação internacional. Dentre essas a União Europeia e a Cáritas Suíça, que logo após a virada do ano enviaram para o Brasil o Especialista para Emergências Rápidas da ECHO/União Europeia para as Américas Roman Majcher, e a Gestora do Programa Brasil da Cáritas Suíça, Rebekka Reischmann. O intuito foi verificar a situação local, com o apoio da CNBB e Cáritas Brasileira.

Assim, dentro da agenda de mobilização da campanha #SOS Bahia e Minas Gerais: Solidariedade que Transborda, a delegação esteve nos municípios baianos de Ilhéus, Itabuna, Itajuípe, Teixeira de Freitas, Medeiros Neto e Itamaraju, entre os dias 3 e 8 de janeiro. A missão incluiu ainda reuniões com entidades parceiras, paróquias e poder público.

“Viemos ver os impactos das enchentes e encontramos uma situação dramática, em que diversas comunidades perderam tudo, com consequências relacionadas a moradia, saúde, subsistência e proteção, por isso, estamos muito preocupados com esse cenário, uma vez que a resposta ainda não ganhou o ritmo esperado de assistência humanitária básica às pessoas que sofreram danos”, declarou Roman Majcher, Especialista para Emergências Rápidas da ECHO/União Europeia.

Rebekka Reischmann, Gestora do Programa Brasil da Cáritas Suíça, também se impressionou com a conjuntura: “Mesmo após termos visto as imagens na televisão, ficamos muito impactados e preocupados já nas primeiras visitas em Ilhéus e Itabuna, em que vimos casas e ruas inteiras destruídas. É uma situação muito séria, por isso precisamos realmente juntar todas as forças disponíveis para garantir que as vidas dessas muitas famílias possam ser reconstruídas o quanto antes”.

Os representantes da cooperação internacional foram acompanhados por Valquíria Lima, Coordenadora Nacional da Cáritas Brasileira, por José Jardel do Nascimento, Secretário Regional da Cáritas Nordeste 3, e pelos bispos das regiões afetadas: Dom Giovanni Crippa (Diocese de Ilhéus), Dom Carlos Alberto dos Santos (Diocese de Itabuna) e Dom Jailton de Oliveira Lino (Diocese de Teixeira de Freitas).

Objetivo da missão

Roman Majcher, Especialista para Emergências Rápidas da ECHO/União Europeia. Fotos: Paula Lanza

O objetivo da missão foi, primeiramente, ouvir o que as comunidades afetadas têm a dizer sobre o que vêm atravessando neste momento e, a partir daí, somar forças para salvar vidas, atender as necessidades imediatas e oferecer acolhimento e proteção.

“As ações de solidariedade não podem parar, assim como também é importante fortalecermos a nossa incidência política junto aos governos municipais, estaduais e federal, pois o Estado precisa dar uma resposta a essas famílias, uma vez que os desastres são enormes e muitas delas perderam tudo”, afirma Valquíria Lima.

A partir das visitas foi possível iniciar o mapeamento das necessidades e identificar as lacunas no processo de apoio às populações afetadas, para planejamento da aplicação dos recursos arrecadados pela campanha emergencial #SOS Bahia e Minas Gerais: Solidariedade que Transborda, iniciada no dia 11 de dezembro de 2021.

Agora, a campanha será fortalecida por meio da doação de 1 milhão de euros pela União Europeia, via consórcio Cáritas Suíça, Cáritas Bélgica e Cáritas Brasileira. O recurso beneficiará famílias dos municípios de Itabuna, Ilhéus, Itajuípe, Itamaraju (Nova Alegria), Jucuruçu e Dário Meira, na Bahia, Palmópolis e Rio Pardo, em Minas Gerais.

Serão 1.000 famílias beneficiadas com bolsas de subsistência e serão distribuídos 5.000 kits de higiene familiar, 5000 mil kits de limpeza e 1.000 kits infantis. Ao todo 24 mil pessoas serão beneficiadas. A iniciativa terá duração de seis meses e será realizada entre fevereiro e julho de 2022.

Com os recursos das doações realizadas por meio da campanha de arrecadação, este número irá aumentar, alcançando ainda mais pessoas e chegando em outras cidades.

“E nós também queremos chamar a atenção ao fato de que essa situação é resultado de um modelo de desenvolvimento e que, cada vez mais, nós viveremos fenômenos como esse, portanto, é necessário repensar essa lógica e investir em ações de prevenção, a fim de que catástrofes como essas possam ser minimizadas”, completa.

#SOS Bahia e Minas Gerais: Solidariedade que Transborda

A arrecadação continua! Você pode contribuir com a campanha, através das contas do escritório nacional da Cáritas Brasileira:

Banco do Brasil
Agência: 0452-9
C/c: 50.106-9

Caixa Econômica Federal
Agência: 1041
C/c: 1132-1

Para DOC, TED, OU PIX O CNPJ do escritório nacional da Cáritas Brasileira é: 33.654.419/0001-16

Com informações da Cáritas Brasileira
Fonte: CNBB

Cúria Diocesana

Rua Tiradentes, 388 - Centro Patos de Minas/MG - CEP 38700-134

Telefone

(34) 3821-3213 (34) 3821-3184